A revolução do 25 de Abril de 1974 trouxe a Portugal Liberdade, pondo fim a um longo período de Ditadura fascista de 49 anos. Após 1976 houve retrocessos graves no processo desta revolução, patrocinada por partidos reaccionários de direita tendo como aliados algumas famílias Fascistas. Portugal foi caminhando o trilho de uma sociedade capitalista, geradora de profundas injustiças sociais.



Neste blog iremos denunciar os sistemáticos atentados que todos os dias ocorrem às Liberdades, Direitos e Garantias que herdámos de homens e mulheres que lutaram para que fosse possível o maior acontecimento histórico do século xx em Portugal.



quarta-feira, 2 de abril de 2014

JCP - "Uma postura que envergonha a história de luta dos estudantes da Universidade de Lisboa e que não deixará de ter a resposta que se exige"



“Avante com Abril” não é apenas o lema do 10º Congresso da JCP, é uma expressão de confiança e de actualidade dos valores e conquistas de Abril no presente e futuro da juventude e do País.
“Avante com Abril” é acima de tudo uma afirmação determinada dos jovens comunistas em continuar a luta de sucessivas gerações e o seu compromisso em intensificar e alargar a luta juvenil pelos seus direitos e anseios.
Não há manobras, medidas repressivas, nem posturas a roçar medidas que Abril derrotou, vindas de onde vierem que façam frente à convicção e determinação dos jovens comunistas, ao movimento juvenil e à sua luta.
É bom que os serviços e a Reitoria da Universidade de Lisboa tenham isso bem presente enquanto deitam abaixo o outdoor referente ao 10º Congresso da JCP colocado na cidade universitária. Uma postura que envergonha a história de luta dos estudantes da Universidade de Lisboa e que não deixará de ter a resposta que se exige.
A luta continua! Avante com Abril! Organizar, Lutar, Transformar!

A JCP, no âmbito da preparação do seu 10.º Congresso e da participação na Federação Mundial da Juventude Democrática, organiza na próxima sexta-feira, dia 4 de Abril, um seminário internacional subordinado ao tema "A luta anti-imperialista da juventude: a experiência do 25 de Abril".

O seminário terá lugar na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (Auditório 2, Torre B), a partir das 10h, e contará com a presença e participação de organizações de juventude de diversos países.